18 de fevereiro de 2014

Carta com base em argumentos


Estudos anteriores permitiram que conhecêssemos as características referentes à carta, que também representa um gênero textual. Existem diferentes tipos de carta, ou seja, há aquela na qual nos comunicamos com amigos ou familiares a fim de contar-lhes as novidades, como também a que escrevemos para um determinado jornal ou revista, elogiando ou fazendo uma crítica de forma positiva sobre uma reportagem qualquer, e também a que vamos aprender agora, cujo objetivo é expor um problema específico e levá-lo ao conhecimento de alguém que tenha condições e autoridade suficientes para solucioná-lo.

Estamos falando da chamada carta argumentativa que, por pertencer à linguagem escrita, compõe-se de algumas regras específicas. Uma de suas principais características é a argumentação, mas afinal, o que vem a ser isso?

Quando estamos argumentando, automaticamente tentamos convencer o interlocutor (a pessoa que nos ouve ou que compartilha com aquilo que escrevemos) da nossa opinião, de modo a fazer com que ele concorde conosco.

Há ainda outro detalhe muito importante a dizer- o fato de que esta modalidade (a carta) é bastante exigida nos concursos que fazemos, como também quando realizamos as provas relacionadas ao vestibular, Exame Nacional do Ensino Médio, entre outros.

Diante disso, você percebeu o porquê da diferença entre as demais, não é verdade? Mas para que possamos conhecê-la melhor, observaremos, a seguir, um exemplo. Imagine que perto de sua casa há um cruzamento sem sinalização e que você esteja querendo solicitar um semáforo, na tentativa de evitar que acidentes ocorram. Para isto, deverá escrever uma carta endereçada ao prefeito de sua cidade de modo a formalizar o pedido. Então, vamos lá!
 


 
Belo Horizonte, 10 de fevereiro de 2010.
(local e data)


Ilustríssimo Senhor prefeito
(Perceba que não estamos nos dirigindo a uma pessoa qualquer, mas sim ao prefeito da cidade, portanto devemos usar o pronome de tratamento adequado – Ilustríssimo). Esse espaço é destinado ao vocativo.


No trajeto que fazemos até à escola, percebemos que no cruzamento da Rua (xxxxx) com a (xxxxx) estão ocorrendo inúmeros acidentes, pois falta um semáforo, no sentido de orientar melhor os motoristas e proporcionar mais segurança aos pedestres.

Sendo assim, como a segurança é algo indispensável à vida de todos, gostaria de solicitar a implantação de um semáforo no local, pois sei que toda a população ficará agradecida.

Certo de contar com sua compreensão, desde já agradeço.

(assinatura da pessoa que enviou a carta) 


Certamente que após analisarmos este exemplo constatamos que a carta argumentativa é aquela que apresenta uma solicitação e/ou reclamação sobre um determinado assunto, baseada em argumentos satisfatórios para que o objetivo seja concretizado.

Por Vânia Duarte
Graduada em Letras
Equipe Escola Kids

Nenhum comentário:

Postar um comentário

VOTAÇÃO TOP 30/2014